segunda-feira, 2 de abril de 2012

Gestos



A lua vestiu-se de gala
 A rua encheu-se de calma 
Para seguir os teus passos, sempre tão leves, delicados! 
O mundo pára pra ver. Tens esse poder... 

São gestos... Tão lestos, tão ágeis assim
 Que calam o resto de mim

Será que presinto que tu também sentes 

As coisas que eu sinto, desalmadamente... 

Só falta um gesto 
Preciso assim... Que fale em nome do sim 

São gestos... Tão lestos, tão ágeis assim 
Que calam o resto de mim 

O som dos teus passos ecoa no ar 
Não vou jamais perder-me de ti. E nem sequer mexer-me daqui
[Paulo Gonzo]

1 comentário:

Isa E. disse...

Linda música, Açoriana!
Tenho conhecido cantores portugueses maravilhosos através dos blogues que visito. Esse é um dos que despertou meu interesse. Obrigada pela dica!
Beijinhos :)