quarta-feira, 7 de fevereiro de 2007


Procura-se peixe (vivo ou morto) de Almor Loucao (in: www.olhares.com)


Hoje decidi voar até Olhão, terra do desconhecido "Mexilhão"
que, aparentemente, tem acompanhado os meus "voos" por aqui!
Apenas para lá deixar...
saudações açorianas!

2 comentários:

L. Antão disse...

Muito obrigada pela visita. É sempre um prazer voltar aos Açores nem que seja através do teu blog.
Foi nessas ilhas que vivi um dos meses mais felizes da minha vida já lá vão tantos anos, mas não consigo nem quero esquecer tão doce memória.

açoriana disse...

Fazes bem não querer esquecer "tão doce memória" (como dizes). São elas que mantém vivos, na nossa memória, os bons momentos que vamos vivendo!